Hackers podem roubar digitais cadastradas com sensor do Android | Notícias

Hackers podem roubar digitais cadastradas com sensor do Android | Notícias

Uma brecha em smartphones Android com sensor biométrico pode resultar no roubo de digitais de seus usuários. O risco foi tema da conferência BackHat, realizada nos Estados Unidos na última quarta-feira (5), e a falha foi exposta pelos pesquisadores Tao Wei e Yulong Zhang. Tablets e smartphones tops como Galaxy S6 e S5, da Samsung, oferecem a tecnologia de digitais.

Android: Google lança correção de segurança para quase 1 bilhão de celulares

Smartphones Android podem ter informações de digitais roubadas por hackers (Foto: Luciana Maline/TechTudo)Smartphones Android podem ter informações de digitais roubadas por hackers (Foto: Luciana Maline/TechTudo)

O ataque ocorre de maneira silenciosa no celulares Android e pode atingir a maioria das marcas que oferecem aparelhos com o sensor biométrico, como a Samsung, Huawei e HTC. Por enquanto, a vulnerabilidade foi encontrada nos modelos HTC One Max e o Samsung Galaxy S5. O estudo mostra que esse problema também pode afetar notebooks com esse sensor.

Identidade falsa

O erro permite que o hacker copie as informações de imagem da impressão digital por meio do celular infectado. Isso acontece sem afetar a usabilidade do aparelho, que continua funcionando normalmente. Com o roubo, esses dados podem ser usados para práticas maliciosas, como pagamentos móveis em apps e lojas que permitem verificação por digital para a confirmação no lugar da senha, como bancos por exemplo.

Qual é o melhor antivírus grátis? Confira no Fórum do TechTudo.

Além disso, as informações de digitais têm sido utilizadas para a geração de identidades falsas, registros criminais e imigração ilegal. A falha foi encontrada no sistema de segurança de armazenamento desses dados e na trava do sensor. Para correr o risco, o aparelho precisa estar infectado com um app malicioso ou vírus com esse propósito.

 Apple é mais segura

Para se proteger, os pesquisadores dão algumas dicas de como manter o Android atualizado com frequência, além de baixar e instalar apenas aplicativos de fontes confiáveis. O pesquisador Yulong Zhang ainda citou, em comparação, que a tecnologia aplicada no scanner de digitais em smarts Apple, como o iPhone 6 e 5S, é mais segura por causa do sistema de encriptação direto.

Via ZDNET

Fonte

Comments

comments

BpnGQtDrqJ

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *