Aparelho que é smartphone, tablet e computador é sucesso no Indiegogo | Notícias

Aparelho que é smartphone, tablet e computador é sucesso no Indiegogo | Notícias

Um dispositivo híbrido que se transformar em smartphone, tablet e ultrabook é sucesso de arrecadação do site de financiamento coletivo Indiegogo. Com uma aparência curiosa, o Dragonfly Futurefon pode ser dobrado em várias partes para ser guardado e, quando em uso, é muito versátil, já que roda tanto Android quanto Windows. Além das especificações, que são de encher os olhos, o aparelho ainda conta com preço atrativo. Todos esses aspectos já renderem 40 vezes o valor pretendido ao projeto.

SanDisk lança pen drive exclusivo para iPhone e iPad de até 64 GB

Modo ultrabook oferece tela dupla de 12 polegadas com altíssima resolução (Foto: Divulgação)Modo ultrabook oferece tela dupla de 12 polegadas com altíssima resolução (Foto: Divulgação)

A base oferece tela de 7 polegadas e um teclado dobrável para encaixe de um foblet, também de 7 polegadas, criando um ultrabook com tela dupla. O Slingshot, como é chamado o tablet-smartphone destacável, roda Android, enquanto a base roda Windows. O usuário pode escolher o sistema que quer utilizar no modo ultrabook.

Um ultrabook CCE vale a pena? Opine no Fórum do TechTudo.

Os displays são Super Amoled Quad HD, com 2560 x 1440 pixels, o mesmo tipo usado no tablet Galaxy Tab S, da Samsung. Lado a lado, os painéis do Dragonfly resultam em uma tela de 12 polegadas com resolução 5120 X 1440 pixels. O modo ultrabook ainda oferece um trackpad que se esconde sob o teclado, e o tablet tem uma caneta similar à S Pen da linha Note da fabricante coreana.

Dispositivo é smartphone, tablet e ultrabook com Android e Windows (Foto: Divulgação)Dispositivo é smartphone, tablet e ultrabook com Android e Windows (Foto: Divulgação)

Internamente, base e tablet contam com 4 GB de RAM cada, além de 128 GB de armazenamento com opção de expansão via microSD na versão mais robusta. Ambas as partes também contam com chips multicore, embora a fabricante não tenha especificado marca ou modelo, se limitando a dizer que a base conta com arquitetura x86, destinada a Windows, enquanto o tablet tem chip ARM, para Android.

Teclado esconde trackpad no modo ultrabook (Foto: Divulgação)Teclado esconde trackpad no modo ultrabook (Foto: Divulgação)

O design do Dragonfly Futurefon é, no mínimo, incomum, e as especificações boas demais para serem verdadeiras. Somado a esses aspectos: o preço, outro atrativo que conquistou muitos apoiadores no Indiegogo. A campanha de financiamento coletivo, que pretendia arrecadar só US$ 10 mil (R$ 26 mil), já conseguiu quase US$ 400 mil (R$ 1 milhão) próximo do fim do prazo. São 40 vezes o valor inicial.

Dobrado, Dragonfly encaixa em bolsas e sacolas pequenas (Foto: Divulgação)Dobrado, Dragonfly encaixa em bolsas e sacolas pequenas (Foto: Divulgação)

Uma versão só com Android, tanto na base quanto no tablet, é vendida por US$ 300 (aproximadamente R$ 780 em conversão direta), enquanto o híbrido Windows-Android pode ser adquirido por US$ 400 (R$ 1 mil), sem considerar impostos ou frete. A promessa é entregar os produtos no primeiro semestre de 2015, inclusive para eventuais compradores brasileiros.

Via Indiegogo

Fonte

Comments

comments

BpnGQtDrqJ

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *