Android 12 vai facilitar uso de lojas de apps de terceiros

Android 12 vai facilitar uso de lojas de apps de terceiros

Numa postagem feita na segunda-feira (28), a Google prometeu facilitar o uso de lojas de aplicativos de terceiros a partir do lançamento do Android 12. Isso indica que a empresa está esboçando novas mudanças em suas políticas para desenvolvedores, possivelmente após receber algumas críticas de criadores de aplicativos.

O caso mais flagrante foi o da Epic Games, criadora do popular game Fortnite. A desenvolvedora americana retirou o seu jogo épico da Play Store no início deste ano, citando práticas injustas de cobrança. Citando as barreiras existentes, a Epic processou a Google por comportamento anticompetitivo.

Citando nominalmente a Epic, a Google reconheceu na postagem: “Cada loja pode decidir seu próprio modelo de negócios e características para o consumidor. Essa abertura significa que, mesmo se um desenvolvedor e a Google não concordarem com os termos de negócios, o desenvolvedor ainda pode distribuir na plataforma Android”.

Fonte: Google Play/DivulgaçãoFonte: Google Play/DivulgaçãoFonte:  Google Play 

Atualmente, usuários do Android já podem instalar aplicativos em lojas de terceiros, como a Samsung Galaxy Store, assunto sobre o qual a Google promete liberar mais detalhes futuramente. Porém, o que a empresa não abre mão é de que os pagamentos de vendas de produtos digitais (vidas, skins) dentro de aplicativos, o chamado “in-app purchase”, sejam feitos obrigatoriamente através do faturamento da Google Play.

Essa foi uma das questões da Epic Games, que estava monetizando em cima dessas microtransações do Fortnite sem passar pelo faturamento da loja digital, e, consequentemente sem pagar os 30% exigidos sobre o preço de qualquer aquisição.

Finalmente, a Google falou especificamente de empresas, como a locadora de imóveis para temporada Airbnb e a academia ClassPass que, durante a pandemia da covid-19, tiveram que transformar seus serviços em versões “virtuais” pagas através do in-app purchase. A Gigante da Web prometeu suspender as taxas de serviço sobre essas transações por um ano.

Fonte

Comments

comments

BpnGQtDrqJ

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *