Samsung Z: primeiro smartphone com Tizen OS chega ao mercado | Notícias

Samsung Z: primeiro smartphone com Tizen OS chega ao mercado | Notícias

A Samsung, enfim, lançou o smartphone com Tizen OS instalado e levou o nome de Samsung Z. O smart veio a público na última segunda-feira (2), em evento na Rússia. Além do inédito no quesito sistema, o aparelho ainda traz hardware potente, sensor de digitais e tela de 4,8 polegadas Super AMOLED HD.

Veja também: ZapZap tem código fonte liberado após polêmica sobre legalidade; entenda

O Samsung Z é o primeiro smartphone da empresa com Tizen OS (Foto:Reprodução/Sammobile)O Samsung Z é o primeiro smartphone da empresa com Tizen OS (Foto:Reprodução/Sammobile)

As especificações do Samsung Z não devem nada a outros tops de linha do mundo Android. Ele conta com processador quad-core Snapdragon 800 de 2,3 GHz, 2 GB de memória RAM e 16 GB de espaço para dados com expansão por microSD. Além do já citado sensor de digitais, estão presentes ainda o sensor de batimentos cardíacos do Galaxy S5, NFC e ainda um sensor infravermelho, para a função controle remoto. Tudo isso alimentado por uma bateria de 2.600 mAh.

Sony ou Samsung, qual é o melhor marca? Opine no Fórum do TechTudo

Outros recursos que estrearam no Galaxy S5 também constam na lista do Z. São eles: o Download Booster, que acelera seus downloads e o Ultra Power Saving mode, que faz a tela Super AMOLED funcionar em modo preto e branco, economizando muita bateria. No quesito fotografia, o aparelho também não faz feio, sua câmera principal conta com um sensor de 8 megapixels com a maioria dos recursos já vistos nos Galaxys e uma câmera para selfies de 2,1 megapixels.

Entretanto, grande destaque do novo smartphone está no software, o Tizen OS. A Samsung promete um sistema rápido, graças à gestão de memória aprimorada, experiência de qualidade na navegação e uma interface nova e customizável.

O Samsung Z iniciará suas vendas na Rússia a partir de julho e com expansão prevista para mais mercados logo em seguida. No entanto, a gigante sul-coreana avisa que o aparelho não será lançado nos EUA e em alguns mercados da Europa. Isso porque a empresa acredita que estes mercados ainda não estão “preparados” para o novo sistema. Nada foi dito sobre um eventual lançamento no Brasil ou sobre o preço do aparelho.

Via Sammobile

Fonte

BpnGQtDrqJ

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *