Warning: session_start(): open(/var/cpanel/php/sessions/ea-php73/sess_f60a74a5fcd445a0092a47310b3bfff7, O_RDWR) failed: No space left on device (28) in /home/filmezando/public_html/super-tec-news.ml/wp-content/themes/cream-magazine/single.php on line 4

Warning: session_start(): Failed to read session data: files (path: /var/cpanel/php/sessions/ea-php73) in /home/filmezando/public_html/super-tec-news.ml/wp-content/themes/cream-magazine/single.php on line 4
O HTC First vem para o Brasil? Vale a pena importar? | Artigos – Super-Tec-News

O HTC First vem para o Brasil? Vale a pena importar? | Artigos

O HTC First vem para o Brasil? Vale a pena importar? | Artigos


O HTC First, apresentado junto com o Facebook Home nesta quinta-feira (4), é o primeiro smartphone a chegar com a nova interface Android da rede social. O aparelho estará disponível nos Estados Unidos a partir do dia 12, porém sua chegada ao Brasil é incerta, já que a HTC encerrou suas atividades por aqui. Confira a análise do TechTudo.

Vai chegar ao Brasil?


O novo smartphone da HTC possui configurações interessantes: tem tela de 4,3 polegadas, câmera de 5 megapixels e suporte à rede 4G (LTE). No entanto, as chances de o HTC First chegar ao Brasil são muito baixas, para não dizer nulas. Em meados do último ano, a HTC anunciou sua saída do mercado brasileiro. Desde então, aparelhos como o One, top de linha Android, e 8X, com Windows Phone 8, não desembarcaram por aqui. Sendo assim, é bastate provável que o novo aparelho da companhia siga o mesmo caminho.

Seu aparelho vai ganhar o Facebook Home? Aprenda a baixar o launcher no seu smartphone Android

Vale a pena importar?


Importar um smartphone pode até garantir descontos e o gostinho de usar o aparelho ainda não disponível no Brasil. Porém, o caso do HTC First é um pouco diferente. Apesar do aparelho ter o preço de US$ 99 (cerca de R$ 200, em conversão direta), não sairá muito barato comprar o aparelho lá fora.


Em primeiro lugar, o First será vendido exclusivamente pela operadora de telefonia norte-americana AT&T, ao menos por enquanto. Ao comprar o aparelho, o usuário terá que assinar um contrato com, normalmente, dois anos de duração e plano de dados. Além disso, o aparelho virá bloqueado para operar apenas com a rede norte-americana e você terá uma que procurar uma maneira para que ele funcione por aqui.


Não bastasse esses gastos, é preciso ter em mente que a HTC não atua no Brasil e, consequentemente, não oferece autorizadas por aqui. Então, serviços como garantia, assistência técnica e até a venda de acessórios não poderão ser usados por quem comprar o smartphone. Caso o seu aparelho apresente algum defeito, é melhor estar preparado para uma grande dor de cabeça.

Vale a pena instalar o Facebook Home no meu Android? Opine no Fórum do TechTudo!


Se ainda assim você quiser importar, a melhor alternativa é comprá-lo durante uma viagem e trazê-lo como produto de uso pessoal. Outra alternativa é comprar o aparelho pela internet — a pré-venda já está aberta — e pedir para que ele seja entregue na casa de algum amigo que possa, em seguida, enviá-lo para você. Uma última alternativa seria comprá-lo através de um site que faça entregas no Brasil, porém isso deve se tornar um pouco dificil nos próximos meses, já que o aparelho será vendido com exclusividade pela AT&T.


E aí? Curtiu o HTC First? Acha que vale a pena comprar o aparelho só para ser o primeiro a ter acesso ao novo Facebook Home? Dê a sua opinião nos comentários e tire suas dúvidas no Fórum do TechTudo!

Fonte

BpnGQtDrqJ

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *