A Garmin lançou seu primeiro tablet Android com sistema de GPS de alta precisão. Destinado a profissionais e entusiastas de práticas ao ar livre, o equipamento acompanha diversos sensores e recursos que o tornam ideal para uso marítimo e em atividades em mata fechada. Com corpo robusto e à prova d’água, o modelo chega com preço sugerido de R$ 3 mil.

Garmin lança NavTune 7199, central hipermídia com tela e TV Digital

Monterra é híbrido de tablet e GPS da Garmin que chega ao Brasil por R$ 3 mil (Foto: Divulgação/Garmin)Monterra é híbrido de tablet e GPS da Garmin que chega ao Brasil por R$ 3 mil (Foto: Divulgação/Garmin)

O Garmin Monterra alia funções de GPS profissional com a personalização do Android, já que é possível baixar apps normalmente via Google Play Store. O produto ainda é equipado com câmera de 8 megapixels com foco automático e flash/lanterna LED, e grava vídeos em HD (720p).

Segundo a companhia, o receptor GPS e Glonass de duas bandas do Monterra permite localizar o usuário rapidamente e manter a captura do sinal mesmo em mata fechada e vales profundos. Internamente, o produto consegue guardar até 64 GB de dados via cartão de expansão e possui um duplo sistema de bateria, com uma de íons e outra de lítio, dando uma autonomia total de mais de 20 horas, somado ao suporte para as tradicionais pilhas AA.

Seu hardware também vem equipado com sensor UV para proteção contra alta incidência de raios solares, proteção à prova d água IPX7, Wi-Fi, Bluetooth 3.0 e conexão ANT+ para pareamento com monitores cardíacos e outros acessórios. Completam seus recursos o MapMerge 3D para visualização de mapas em 3D a partir da combinação de dois mapas 2D; e um barômetro capaz de medir a altura do usuário em relação ao nível do mar.

A fabricante também promete uma tela econômica, que tenta aproveitar o máximo da incidência do sol para iluminar o display. Com isso, a promessa é de que o gadget só usará as luzes LED do painel de 4 polegadas sensível ao toque à noite ou em condições de pouca iluminação.

GPS de celular ou um dedicado. Qual o melhor? Comente no Fórum.

 

Fonte

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *